Avançar para o conteúdo principal

Duatlo da Amora

Mais um fim-de-semana de adrenalina :)

Que ia quase não sendo (nota mental: ler sempre com atenção o regulamento das provas!!!), isto porque cheguei relativamente perto da hora de início da prova e o secretariado e o parque de transição tinham fechado há mais de hora e meia... mas fiz um choradinho muito muito grande aos responsáveis e lá me deixaram alinhar... ficou aprendida a lição!

Este sábado a prova era mais perto, na Amora, e até à semana passada estive na dúvida se devia fazer esta prova ou a de amanhã em Torres Vedras, mas, uma vez que ainda não tinha feito nenhuma prova de BTT e que o percurso de amanhã era mais longo para o meu parco treino, alinhei antes na prova da Amora.

Mais uma vez, Prova Aberta que contava com as distâncias de 2kms no 1.º segmento de corrida, 6km no segmento de BTT e 1km no 2.º e último segmento de corrida. Todo o percurso era em terra batida com algumas zonas de areia, não era muito complicado - apesar da areia atrapalhar... (falta de jeito!) - só tinha uma subida empinadita mas curta logo no início que teve de ser feita 4x, o n.º de voltas na bike.

Desta vez a minha claque contava, para além da B e do CC, com a Rita Katita que dado a ressaca que ainda tinha do SRP tinha decidido que hoje não era dia de empenar e por isso foi ver-me a mim a empenar :)

Era também dia para estrear (em prova), o novo fato de triatlo que encomendei da Cofides, muito confortável e que irá ser ainda mais útil em provas de triatlo.


Desta vez não vi de imediato nenhuma lebre para seguir, mas lá me posicionei em segunda linha - as always - pronta para o início da prova...


Lá se deu o briefing e logo de seguida a partida, começo com força, dou por mim junto com um pelotão unicamente masculino, mas o meu gás ainda não dura muito tempo, e o terreno com areia à mistura também não ajuda a manter uma velocidade constante. Mesmo assim, ainda aguentei quase uma volta na liderança, mas a atleta que viria a terminar em primeiro lugar lá me ultrapassou e eu não tive forças para a ir buscar de novo.


Termino o segmento de corrida com vantagem sobre a terceira, mesmo perdendo um bocadinho de tempo para calçar os sapatos de encaixe... mas durante as 4 voltas de BTT que iríamos percorrer, a terceira consegue passar-me na penúltima volta e não consegui voltar a apanhá-la, mas também não a deixei ganhar muito avanço!


Tento ser rápida na última transição para não perder a minha adversária de vista... ela já lá ia, com alguma vantagem e pensei que 3.º não era mau de todo, mas agarrei a dica do CC e tentei fazer uma passada larga na corrida e fui recuperando terreno a pouco e pouco, até que percebi que talvez ainda fosse possível... na foto seguinte estava a correr à morte para a ultrapassagem...


... e foi possível! Apesar de só me apetecer abrandar, não quis pôr em risco a recuperação do 2.º lugar e lá continuei "à morte" (a morrer mesmo) até ao final, até ao pórtico da meta :)


Estava feito! Um primeiro pódio num duatlo oficial da federação :) Que orgulho!!!

A recuperação junto da minha claque ;) e não é que comi uma laranjinha?!? (piadinha familiar)


E lá chegou a hora do pódio... mas afinal não fui eu quem recebeu a medalha de 2.º lugar :) Foi a B. :)


Mas a comemoração foi geral!


Nesta prova, como era de BTT, mantive o objectivo de 47 minutos da semana passada, porque apesar da bike ter menos 2 kms, o andamento era mais lento. Mas, afinal, terminei com um tempo de 36m13s, quase menos 2 minutos que o tempo da semana passada, fazendo 28.º à geral (em 35), 2.ª em femininos (em 6) E 1.ª em SEN Fem (em 3). Os tempos parciais esta semana esqueci-me de os recolher, a adrenalina era tanta que não carreguei as voltas no pulsómetro :P

I'm happy :)

Comentários

Mensagens populares deste blogue

HAPPY!!!!!

Sinto-me infinitamente feliz :-)

E por algo tão simples como ter batido o meu record pessoal nos 100m livres! êêêêê

Mas há várias razões para que este record batido seja tão motivante:
# porque ele significa menos 5" de um anterior record que eu nem sabia bem como o tinha feito;
# porque nas 2 séries de 100m que fiz hoje, na 1.ª igualei o anterior record e na 2.ª esmaguei-o;
# porque trazia um record pessoal da época passada de mais 22.5" que o actual;
# porque isto é resultado de um trabalho árduo e muito individual;
# porque para evoluir fiz muita pesquisa para perceber como poderia melhorar;
# porque nado unicamente acompanhada pelo meu Garmin Forerunner 910XT que me ajuda a avaliar toda esta minha evolução;
# porque nunca desisti de querer melhorar;
# porque me gravei em Agosto com intuito de perceber alguns erros e isso ajudou-me imenso: percebi que estava a colocar o braço cruzado à frente da cabeça e que a minha mão também não entrava como deve ser na água (além de ou…

XTERRA MAUI | Ou o azarado Campeonato do Mundo...

Depois de muita preparação, dedicação e esforço esta época, eis chegado o momento de pôr à prova todo o tempo despendido a treinar.

Um destino como o Hawaii era motivo suficiente para querer enfrentar o desafio, mas mesmo com todo o treino feito estava receosa sobre o que iria encontrar, sobretudo em termos de clima. Mas a verdade é que chegámos com uma semana de antecedência, para nos ambientarmos, descansarmos e entrarmos na rotina do novo fuso horário - sim, são 10h de diferença!

A semana antes supunha algum descanso e as tão aguardadas férias, mas não podíamos deixar a forma totalmente de lado... tinha de continuar a haver algum treino... como não podia deixar de ser, e porque fomos 2 semanas, levámos a nossa Piruças connosco, pelo que tínhamos de treinar à vez, mas assegurámos que tínhamos uma babysitter de confiança para ficar com ela durante a prova, não deixando isto de nos causar algum nervoso miudinho, porque no Hawaii não falam português, certo? ;-)

Mas é da prova que quero…