Avançar para o conteúdo principal

Anoitecer em Alcochete

Hoje, como os meus planos se alteraram, decidi dar uma pedalada ao final da tarde para tentar conhecer um pouco alguns dos caminhos de Alcochete.

Saí em direcção à praia de Alcochete, algumas pessoas em passeio, outras a correr, mas o sol começava a descer no horizonte criando uma atmosfera fantástica, não resisti a tirar uma foto com o telemóvel.


De seguida, comecei a procurar trilhos que percorressem as margens do Tejo, mas tive um encontro imediato com uns ferozes canitos e decidi zarpar a toda a velocidade... :P

Segui por estrada rumo ao Samouco, perto da Ponte Vasco da Gama, volto a ir explorar uma entrada para terra que por lá havia, mas era uma espécie de dead-end, ou então era só eu que por estar sozinha e estar a anoitecer ter achado que era melhor não me meter nestas aventuras!

À entrada do Samouco dei a volta para regressar a Alcochete, estava mesmo a anoitecer e eu não levei luzes além de um "pirilampo" que levava no braço.


Voltei a passar na praia e decidi seguir até ao pontão da marginal e ficar maravilhada com a vista sobre Lisboa e arredores...


Foram muito poucos kms e pouco mais de meia hora de pedal, mas já soube melhor do que ter ido directamente para casa ;)

Comentários

Blackbelly disse…
Ah pois! Não foste com a malta às bifanas e depois quiseste fazer a festa sozinha!

Mas o deserto é bem poreiro para voltinhas de fim de tarde...
***

Gaija
ASG disse…
Pois, na altura não deu... mas agora estou temporariamente por terras de Alcochete! Há que aproveitar ;)
mo7ard disse…
Alcochete é muito à frente, e os finais de dia (pôr do Sol) aqui junto ao Estuário do Tejo é um verdadeiro must!

Ainda bem que estás a descobrir os tesouros deste "meu" cantinho... o meu "deserto" privado!! xD

Mensagens populares deste blogue

XTERRA MAUI | Ou o azarado Campeonato do Mundo...

Depois de muita preparação, dedicação e esforço esta época, eis chegado o momento de pôr à prova todo o tempo despendido a treinar.

Um destino como o Hawaii era motivo suficiente para querer enfrentar o desafio, mas mesmo com todo o treino feito estava receosa sobre o que iria encontrar, sobretudo em termos de clima. Mas a verdade é que chegámos com uma semana de antecedência, para nos ambientarmos, descansarmos e entrarmos na rotina do novo fuso horário - sim, são 10h de diferença!

A semana antes supunha algum descanso e as tão aguardadas férias, mas não podíamos deixar a forma totalmente de lado... tinha de continuar a haver algum treino... como não podia deixar de ser, e porque fomos 2 semanas, levámos a nossa Piruças connosco, pelo que tínhamos de treinar à vez, mas assegurámos que tínhamos uma babysitter de confiança para ficar com ela durante a prova, não deixando isto de nos causar algum nervoso miudinho, porque no Hawaii não falam português, certo? ;-)

Mas é da prova que quero…

HAPPY!!!!!

Sinto-me infinitamente feliz :-)

E por algo tão simples como ter batido o meu record pessoal nos 100m livres! êêêêê

Mas há várias razões para que este record batido seja tão motivante:
# porque ele significa menos 5" de um anterior record que eu nem sabia bem como o tinha feito;
# porque nas 2 séries de 100m que fiz hoje, na 1.ª igualei o anterior record e na 2.ª esmaguei-o;
# porque trazia um record pessoal da época passada de mais 22.5" que o actual;
# porque isto é resultado de um trabalho árduo e muito individual;
# porque para evoluir fiz muita pesquisa para perceber como poderia melhorar;
# porque nado unicamente acompanhada pelo meu Garmin Forerunner 910XT que me ajuda a avaliar toda esta minha evolução;
# porque nunca desisti de querer melhorar;
# porque me gravei em Agosto com intuito de perceber alguns erros e isso ajudou-me imenso: percebi que estava a colocar o braço cruzado à frente da cabeça e que a minha mão também não entrava como deve ser na água (além de ou…