Avançar para o conteúdo principal

Triatlo de Aveiro

Este fim-de-semana realizaram-se em Aveiro várias provas de triatlo - Taça da Europa de Triatlo Júnior (distância Sprint), Campeonato Nacional Individual de Triatlo (distância Olímpica) e Campeonato Nacional de Clubes (estafetas em distância Super Sprint).

Pela primeira vez, eu ia participar numa prova de triatlo como federada, e nada melhor do que começar com uma prova em equipa, mais concretamente em estafetas.

Eu ia ser o elemento do meio, primeiro partiria a Catarina Casteleiro, depois ia eu e a fechar a Ana Pereira.

O CC também participou nas estafetas (era o 1.º elemento do grupo) depois de sábado ter participado no CNI.

Partida dada, agora era aguardar que a Catarina fizesse a sua prova e me passasse o testemunho (tocar na mão) para eu seguir. Depois dela nadar 300m, pedalar 8,6km e correr 2,1km, lá chegou a minha vez...

Mergulhei de cabeça, o que correu bem, os óculos não saltaram e pude fazer uma natação concentrada porque fui a nadar sozinha (é o bom das estafetas, ou o mal de não sermos uma das equipas mais competitivas naquele dia), senti-me bem, não me desviei muito no caminho, pelo que saí relativamente bem da água sem estar a morrer, apesar de ter nadado o mais rápido que pude.

Segmento de ciclismo que seria feito em duas voltas. Senti-me bem, apesar de sentir uma larica jeitosa, porque me esqueci de comer um pouco antes da prova e tinha tomado o pequeno-almoço há mais de três horas. Mesmo assim, puxei o que pude puxar. Durante uns segundos, tive a mota com a câmara ao meu lado a gravar o meu esforço épico, e não é que desta vez apareci mesmo? Na segunda volta sou dobrada pelo Miguel Arraiolos e depois pelo João Pereira, bem tentei ir na roda deles, mas não deu :P

Faltava a corrida, que ladeava toda a ria até ao centro e voltava, parecia que o percurso nunca mais acabava tal era a vontade de passar o testemunho, mas acabou, com a palmada na mão da Ana Pereira, era a vez dela fechar a equipa.

Fiz um tempo razoavelzinho (39'43''), claro que demorei mais que as minhas companheiras de equipa, mas há que começar de baixo para cima.... aos poucos e com treino espero melhorar!

Fica o link para o video onde apareço aos 3'46'' :)



Comentários

Mensagens populares deste blogue

HAPPY!!!!!

Sinto-me infinitamente feliz :-)

E por algo tão simples como ter batido o meu record pessoal nos 100m livres! êêêêê

Mas há várias razões para que este record batido seja tão motivante:
# porque ele significa menos 5" de um anterior record que eu nem sabia bem como o tinha feito;
# porque nas 2 séries de 100m que fiz hoje, na 1.ª igualei o anterior record e na 2.ª esmaguei-o;
# porque trazia um record pessoal da época passada de mais 22.5" que o actual;
# porque isto é resultado de um trabalho árduo e muito individual;
# porque para evoluir fiz muita pesquisa para perceber como poderia melhorar;
# porque nado unicamente acompanhada pelo meu Garmin Forerunner 910XT que me ajuda a avaliar toda esta minha evolução;
# porque nunca desisti de querer melhorar;
# porque me gravei em Agosto com intuito de perceber alguns erros e isso ajudou-me imenso: percebi que estava a colocar o braço cruzado à frente da cabeça e que a minha mão também não entrava como deve ser na água (além de ou…

XTERRA MAUI | Ou o azarado Campeonato do Mundo...

Depois de muita preparação, dedicação e esforço esta época, eis chegado o momento de pôr à prova todo o tempo despendido a treinar.

Um destino como o Hawaii era motivo suficiente para querer enfrentar o desafio, mas mesmo com todo o treino feito estava receosa sobre o que iria encontrar, sobretudo em termos de clima. Mas a verdade é que chegámos com uma semana de antecedência, para nos ambientarmos, descansarmos e entrarmos na rotina do novo fuso horário - sim, são 10h de diferença!

A semana antes supunha algum descanso e as tão aguardadas férias, mas não podíamos deixar a forma totalmente de lado... tinha de continuar a haver algum treino... como não podia deixar de ser, e porque fomos 2 semanas, levámos a nossa Piruças connosco, pelo que tínhamos de treinar à vez, mas assegurámos que tínhamos uma babysitter de confiança para ficar com ela durante a prova, não deixando isto de nos causar algum nervoso miudinho, porque no Hawaii não falam português, certo? ;-)

Mas é da prova que quero…