domingo, 28 de abril de 2013

Triatlo do Estoril

Grande festa no Estoril, mas para mim ainda ia ser só o triatlo dos pequeninos... prova aberta, portanto!

O pouco treino de natação (e do resto também, diga-se), não possibilita altos voos, tenho de ter noção do que posso fazer e é isto, vá...

Chegámos cedo ao Estoril, porque existiam 2 PTs onde teriamos de depositar o material, e após colocarmos as sapatilhas junto ao casino, voltámos ao carro para ir buscar a bike e o fato isotérmico e rumar à praia do Tamariz. Pois, mas nessa altura, alguém deu conta que lhe faltavam os sapatos de encaixe e foi desaustinado de volta a casa ainda a tempo de os ir buscar e quase ver a minha prova...

... foi tão desaustinado que se esqueceu que me levou os óculos de natação! Lá tive de eu que andar a cravar quem me emprestasse uns encarecidamente, e lá o Diogo Custódio, me safou! Gracias ;-)

Pouco aquecimento, portanto, e a prova estava a começar! Aguinha geladinha e ventinho fresquinho para ajudar à festa!


Lanço-me à agua cheia de garra, mesmo à leoa ;-) E parece que já me habituei ao granel porque me lanço a nadar no meio das pernas e dos braços todos que por ali andavam sem hesitação. Avanço a bom ritmo e logo logo estou na 1.ª bóia, o que me deixa agradavelmente surpreendida. Estou na 2.ª bóia em menos de nada. Agora toca a regressar a terra... a maré não ajudava, e depois já pertinho de terra, a amona que eu levei ajudou ainda menos, engoli assim tipo 1lt de água salgada que me deixou meio enjoada e sem fôlego, mas obriguei-me a despachar-me.

Saio da água, olho para o relógio e vejo que demorei cerca de 6', o que é um bom tempo para mim (devido ao pouco treino de natação que tenho feito), chego aos tapetes com qualquer coisa como 6'50'' e com o fato já na cintura, o que é bom já que em Alpiarça não o tinha conseguido tirar.

No PT tento despachar-me a tirar o resto do fato sem malhar, tirar a touca, colocar o capacete e calçar os sapatos de encaixe... agarro na bike e lá vou eu a correr como posso... monto na bike e é logo a empinar!

Marginal a fora, em duas voltas a rondar o casino do Estoril, lá vou eu, em luta directa com o vento que me dava uns abanões que me punham enervada; mas nada que me retirasse a capacidade de gritar a apoiar quem conhecido passava por mim ;-)


Finalmente de volta ao PT, coloco a bike a custo já que o coleguinha que ficou ao meu lado se esticou um bocadinho grande para o meu lado, levando-me a ter de quase me ajoelhar debaixo da bike dele para conseguir sacar as minhas sapatilhas de corrida... Calçada e de boné posto, toca a correr!

As pernas presas como é costume tornaram aquele bocado em alcatrão até ao retorno à volta do casino irritantemente difíceis  o que vale é que a descida embalava e depois, mesmo com os tufos de relva e os sobe e desce do resto do percurso, a coisa já ficava mais confortável.


Não fiz um tempo brilhante 49'04'', mas arranquei um 97.º lugar (em 152), fui 18.º em Fem (em 28) e 4.ª no meu escalão (em 9).


Depois dos foguetes :-P fui arrumar a minha bike e vestir o meu equipamento e corri para a praia, onde o CC se preparava para dar início à sua prova, a contar para o CNI de Triatlo.

Muito apoio e muitas fotos, alguns percalços e quedas, mas foi uma prova animada!

Parabéns CC, por mais um bom resultado ;-)


Todas as minhas fotos aqui.

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Liberdade...

... é nadar no mar e depois pedalar sempre a contemplá-lo!

E foi isso que aconteceu ontem. A equipa TriSCP tinha treino na Praia do Tamariz marcado para as 10h, para preparação da prova que lá irá acontecer no próximo domingo.

E nós, deixámos a Piruças com a avó e lá fomos.

Água fria, dia quente. Toda a gente foi nadar de pontão a pontão e eu fiquei a "chapinhar" perto da margem. A minha sinusite não se está a dar bem com mar ondulado, pelo que saio completamente tonta da água, pelo que, com o pouco treino, não arrisco a ficar sozinha em águas abertas e longe de pôr o pé no chão. A partir da próxima terça-feira espero ficar com o problema resolvido, já que vou "à faca" tratar da saúde à sinusite e ao nariz!

Depois de chapinhar, fizemos umas entradas e umas saídas da água com simulação de subida até ao local do PT onde retirámos os fatos. Duche de água doce e 'bora lá tirar as bikes do carro.

Treino de bike em equipa, ou melhor, partida em equipa porque os perdi logo à entrada de Cascais, e já que não levei telemóvel, fiz um treino solitário de ida e volta até à Malveira da Serra - via Guincho, sempre com o mar no meu horizonte. Foi melhor que bom! ;-)

No final, fiquei a aguardar pelo CC (que tinha mais uns kms que eu para fazer) nos jardins do Casino do Estoril, já a fazer o estágio para a prova ;-)


domingo, 21 de abril de 2013

II Triatlo Longo Laurissilva

Não, não fui fazer! Fui acompanhar, apoiar e fotografar... e já foi um árduo trabalho!

Fomos mesmo no final do dia de sexta-feira e chegámos bem tarde ao Funchal, para nos alojarmos mesmo no centro do Funchal, numa pensão manhosa. Mas o acordar tardio foi brindado com uma visita ao mercado e posteriormente um passeio ora na zona velha ora na zona nova da cidade.



Almocinho no restaurante A Pipa com direito a fotos malucas, vinho Madeira e broas de mel ;-)


Era hora de rumar a Porto Moniz, onde iríamos ficar alojados nos próximos 2 dias e de onde partiria a prova no dia seguinte.

Antes do briefing, tempo houve para um passeio de reconhecimento...


Depois de enchermos a barriguita com uma bela massada de peixe e marisco toca a ir "mimir" que amanhã a alvorada é bem antes do nascer do sol!

Era noite cerrada quando cheguei ao PT, o CC já tinha ido antes preparar o material, mas eu fui mudar o carro de sítio para poder arrancar antes do primeiro atleta sair da água, porque depois nada feito!

Muitos atletas, algumas caras conhecidas outras viria a conhecer durante o resto do dia...

A partida deu-se já depois das 7h20, uma vez que se esperava claridade suficiente para os atletas poderem ver as bóias... Vi a primeira volta na água, das duas que os atletas iam percorrer e pus-me a caminho do carro, porque assim que o primeiro saísse da água, o trânsito seria cortado até São Vicente... e assim que vi o Vasco Pessoa a assomar às escadas, corri para o carro e pus-me a milhas, que é como quem diz, a caminho de São Vicente.

Em São Vicente, fiquei no local onde eles faziam o retorno a Porto Moniz, na 1.ª volta e depois partiam para o Faial à 2.ª passagem. Tive o prazer de conhecer a Catarina Dinis, o Miguel Passos e o Duarte Mendonça que me fizeram companhia durante o resto da prova e ainda me serviram de guias para eu chegar ao Faial (via Funchal). Obrigada, foi um prazer ;-)

Tive assim oportunidade de ver os atletas a passarem 2x na bike e por isso puxar duplamente por eles, sobretudo, pelo meu atleta preferido ;-)

Após a 2.ª passagem, rumámos ao Faial onde chegámos mesmo a tempo de ver (e fotografar) chegar os primeiros atletas... caramba, que velocidade traziam estes homens! Era vê-los descer na bike, para passados uns quantos minutos os ver subir no segmento de corrida, num percurso que não era fácil... (mas alguma coisa nesta prova foi?!?). 4 voltas era a proposta para cumprir os 21km de corrida.

Muitas fotos e muitos incentivos depois, praticamente todos os atletas cortaram a meta! Valentes! E sobretudo valentonas... porque as meninas/senhoras participantes foram-no, sobretudo a Patrícia Leite que depois da queda na bike devido a um cão que se atravessou na estrada, teimou em terminar a sua prova... bravo!

O meu CC, fez uma prova brilhante, terminando em 21.º lugar em 6:07:51. PARABÉNS! Foste um herói ;-)

As muitas fotos que tirei estão divididas em dois álbuns que podem ser vistos aqui e aqui.

Mas desenganem-se quem pense que o resto da tarde foi passado a descansar... eu ainda cumpri parte do percurso de corrida para saber como era o trajecto (fiz a subida desde a meta, subi o trilho de terra batida e pedras e ainda percorri o kartodromo), já que ali estive, quis ter um bocadinho do sabor da prova :-P

Faial

De seguida, refizemos o percurso da bike até Porto Moniz, para eu perceber a dureza do percurso e ter a certeza que nunca me iria meter nisto! :-P 

Fizemos, no entanto, algumas paragens "turísticas", pois está claro ;-)



Chegados ao hotel, toca a tomar banhoca e procurar local para o belo repasto, e já agora para ver um bocado da bola (Benfas - Sporting)... mais outro belo jantarito, pois claro ;-)

Uma visita à Madeira não estava concluída sem uma Levada... E por isso, procurámos a mais próxima e aproveitámos parte da última manhã para percorrer parte da Levada da Ribeira da Janela. Fizemos a opção Lamaceiros - Lamaceiros, atravessámos 2 túneis e fomos até à casa do caraças :-P Na volta quase voámos porque o tempo esgotava-se e tinhamos de ir para o aeroporto! Foi muito bom! :-) 




Ah, mas primeiro, vimos Porto Moniz de cima, bonito, não?


Já no aeroporto, despedimos-nos da Madeira com uma queijada e uma Brisa de Maracujá ;-) Inté...