Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto, 2010

Reentré...Maniacada em Bragadas

A modos que já não pedalava com a Maniacada desde o ano passado (ou melhor pensando, parece que ainda pedalei mesmo no iníciozinho do ano), e já tinha saudades desta malta, por isso, e como existem muitos desafios próximos, tinha de dar o corpinho ao manifesto e começar a treinar mais à séria, por isso, mesmo quando soube que iam para as Bragadas pensei cá para mim "vou-me lixar toda, mas tenho de ir" :)
E fui... e no início, porque iamos atrasados (e por minha culpa), a velocidade era de quem ia atrasado para apanhar o combóio e custou-me um bocadinho (mas tinha de estar caladinha, para a próxima demoro menos tempo a arrumar as coisas), as subidas eram feitas em passo de caracol e o pessoal tinha de estar todo à minha espera, mas depois de uns belos kms a coisa melhorou, não ficou perfeita, mas já conseguia impor mais ritmo às minhas pernocas ainda em modo férias!!!
As descidas, sobretudo depois das quedas das minhas companheiras T. e C. (vá, e meia queda minha, mas cada um é…

Pura Vida

De volta de umas absolutamente fabulosas férias na América Central num país lindíssimo de seu nome Costa Rica.

A Costa Rica tem cerca de 30% do seu território protegido sob a forma de Parques Naturais, é, segundo os próprios Ticos (nome que os costarricenses dão a si próprios), o país com maior área protegida do mundo, pelo que para vermos "naturaleza" no seu estado puro, nada como rumar à Costa Rica :)

A visita, que se iniciou por uma rápida passagem por San José, a capital, prosseguiu depois para Tortuguero, terra onde as tartarugas verdes vão pôr os seus ovos e onde a floresta húmida pode ser percorrida de barco através dos inúmeros canais.



De Tortuguero rumámos à zona do vulcão Arenal, onde para além de percorrermos os trilhos das "pontes suspensas", percorremos os trilhos do Parque Natural do vulcão e ainda fomos à Cascata de La Fortuna, para um final do dia retemperados na quentinhas águas termais de Tabácon.

A seguir rumámos a Ricón de La Vieja, também ele um …

Com as ciclovias tão perto...

...e tanto blá blá blá e ainda não tinha ido experimentar a coisa como deve ser. Pois bem, para recomeço, nada como tirar a "ferrugem" (sim, entre aspas que o Ti não enferruja) às bikes e ir percorrer as ciclovias da cidade!

Começando pertinho de casa, no Campo Grande, vamos apanhar a ciclovia em direcção a Telheiras... ziguezagueando pelas ruas lá passamos em frente ao Colégio Militar, - onde nos detivemos ao ouvir dois mini-gatinhos miar, mas tiveram atenção de dois carros que pararam, espero que os tenham adoptado!!! - depois Colombo e passagem superior para Monsanto.

Mas foi só um cheirinho a pó, que junto aos Pupilos do Exército apanhámos a nova ciclovia que vai por Campolide dar ou à Gulbenkian ou ao Jardim da Amália. Como esta última termina por aí, obrigámos os pneus a percorrer alcatrão até chegarmos a Entrecampos via Avenidas Novas.
Aí de novo na ciclovia, toca a pedalar rápido que a noite começava a fazer-se notar cada vez mais e ainda tinhamos de passar no Lidl par…

De regresso...

... mas não com muita vontade...


... por isso, nada como picnicar à hora de almoço! :)

Dizem que são férias... (parte I - 2010)

... e eu espero passar numa ponte destas muito brevemente :)